Páginas

terça-feira, 19 de julho de 2011

2 Casa Arrumada - Poema de Carlos Drummond de Andrade

 Recebi este e-mail de minha prima Ana Rosa e divido com meus visitantes e seguidores!

Ana Rosa, muito obrigada pela tua amizade e que se estenda por muitos e muitos anos!

Saudades de ti minha prima!

E saudades do Sul!

Este poema me lembra de minha infância, onde eu e minha mana gêmea, brincávamos em uma chácara, subíamos nas árvores e levávamos nossas panelinhas de brinquedo. Lá passávamos a tarde, e os dias iam na maior tranquilidade. 

Nossa casa era bem simples, mas limpinha, pois minha mãe sempre foi muito caprichosa! 

Ás vezes, devido a correria do dia-a-dia, não encontramos a casa arrumada (em questõa espiritual e em geral), devido a falta de fé, nossa casa fica a desejar, pedindo renovo. 

Renovo este na vida, no trabalho, na família, nos estudos, enfim...

Desejo que tua casa venha estar arrumada!

Para que tu possas receber o Espírito de Deus em tua vida!

Casa arrumada, é tudo que o Senhor quer encontrar em nossa vida!


Casa Arrumada
Carlos Drummond de Andrade (1902-1987)

Casa arrumada é assim:

Um lugar organizado, limpo, com espaço livre pra circulação e uma boa entrada de luz.

Mas casa, pra mim, tem que ser casa e não um centro cirúrgico, um cenário de novela.


Tem gente que gasta muito tempo limpando, esterilizando, ajeitando os móveis, afofando as almofadas...


Não, eu prefiro viver numa casa onde eu bato o olho e percebo logo:


Aqui tem vida...


Casa com vida, pra mim, é aquela em que os livros saem das prateleiras e os enfeites brincam de trocar de lugar.


Casa com vida tem fogão gasto pelo uso, pelo abuso das refeições fartas, que chamam todo mundo pra mesa da cozinha.


Sofá sem mancha?


Tapete sem fio puxado?


Mesa sem marca de copo?


Tá na cara que é casa sem festa.


E se o piso não tem arranhão, é porque ali ninguém dança.


Casa com vida, pra mim, tem banheiro com vapor perfumado no meio da tarde.


Tem gaveta de entulho, daquelas que a gente guarda barbante, passaporte e vela de aniversário, tudo junto...


Casa com vida é aquela em que a gente entra e se sente bem-vinda.


A que está sempre pronta pros amigos, filhos...


Netos, pros vizinhos...


E nos quartos, se possível, tem lençóis revirados por gente que brinca ou namora a qualquer hora do dia.


Casa com vida é aquela que a gente arruma pra ficar com a cara da gente.
 

Arrume a sua casa todos os dias...
 
Mas arrume de um jeito que lhe sobre tempo pra viver nela...
 
E reconhecer nela o seu lugar.

"A VIDA é uma pedra de amolar; desgasta-nos ou afia-nos, conforme o metal de que somos feitos."
(George Bernard Shaw) 1856-1950

          "Quando me despojo do que sou, me torno o que poderia ser"

Com carinho!
Prof Gi

2 comentários:

Liza Responder comentário

Que belíssimo texto!!
Vim agradecer sua visita e o carinho!!
E também passear um pouco por este espaço lindo!
Estou levando seu banner para divulgar entre os parceiros.
Tenha um domingo de muita paz!
Beijinhos de luz!!!

EBD Vencedores Responder comentário

@Liza

Ai que amor receber tua visita amiga Liza!

Te desejo uma semana de vitórias e sucesso!

Ainda hoje irei retribuir visita!

Com carinho!
Prof Gi

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Envie esta página a um amigo!
Customização by Lady Mel
♥ Lady Mel Layouts ♥